logo Sindimei - Sindicato Intermunicipal das Indústrias

Sindicato Intermunicipal das Indústrias Metalúrgicas,
Mecânicas e do Material Elétrico de Itaúna

Novo Simples Nacional 2017/2018 Atualizações Segundo a Lei Complementar 155/2016

Publicado em: 05 de January de 2018

 

 

 

Dia: 18/01 | HORÁRIO: 8h30 às 17h30

Obs.: Intervalo de uma hora para almoço, sendo que este investimento é de responsabilidade de cada
participante.

 


FACILITADOR: ANTÔNIO CARLOS MACIEL, Pós-graduado em Controladoria,
Auditoria e Perícia; Graduado em Ciências Contábeis; Perito Judicial; Palestrante;
Instrutor nas áreas contábeis, fiscal e pessoal; Consultor de empresas; Empresário.


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

1. SIMPLES NACIONAL
1.1. Aspectos constitucionais
1.1.1. Conceito geral;
1.1.2. Lei Complementar 123/2006;
1.1.3. Forma de tributação da pessoa jurídica;
1.1.4. Conceito de Micro Empresa e Empresa de Pequeno
Porte;
1.1.5. Critérios de enquadramento;
1.1.6. Benefícios instituídos por lei;
1.1.7. Contabilidade simplificada Resolução CFC 1.418/2012.
1.2. Lei Complementar 147/2014
1.2.1. Mudanças nos critérios de enquadramento;
1.2.2. Benefícios instituídos por lei;
1.2.3. Anexos de enquadramento I, II, III, IV, V e VI;
1.2.4. Novas faixas de faturamento, conforme PIB do UF;
1.2.5. Facilitação nos processos de abertura e encerramento.
1.3. MEI – Micro Empreendendo Individual
1.3.1. Conceito;
1.3.2. Novos critérios e valores de receita para 2018;
1.3.3. Pessoa Física ou Jurídica?
1.3.4. O MEI tem Obrigações acessórias?
1.3.5. MEI – Rural;
1.3.6. Todo o faturamento do MEI é isento do Imposto de
Renda?
1.3.7. Critérios para determinação a Remuneração dos sócios;
1.3.8. Atividade proposta.
1.4. Lei Complementar 155/2016
1.4.1. Conceito;
1.4.2. Quais foram às mudanças para 2017-2018;
1.4.3. Novas atividades a partir de 2018;
1.4.4. Surgimento do Investidor “Anjo” quais as regras?
1.4.4.1. Obrigações acessórias;
1.4.5. Nova lei para salões de beleza - Lei 13.352/16 “Salão
Parceiro”;
1.4.5.1. Validade das novas regras;
1.4.6. Novos limites para 2018;
1.4.7. Anexos de enquadramento I, II, III, IV, V;
1.4.7.1. Extinção do Fator “r”;
1.4.7.2. Revogação do Anexo VI;
1.4.8. Nova metodologia de cálculo;
1.4.9. Novas tabelas com fator de redução para 2018;
1.4.10. Possibilidade de parcelamento de débitos;
1.4.11. Atividade proposta;
1.5. Outros conhecimentos sobre Simples Nacional
1.5.1. Tributação diferenciada;
1.5.2. Exclusão do simples Nacional;
1.5.3. Remuneração dos sócios;
1.5.3.1. Critérios de distribuição de lucros;
1.5.4. Comparativos com outros regimes tributários;
1.5.5. Obrigações acessórias;
1.5.6. Outras considerações abrangentes da MEs e EPPs;
1.5.7. Atividade proposta.

PRÉ-REQUISITO: Trazer Calculadora Simples.

 

Mais informações aqui

 

INFORME-SE:

(37)3249.1751 | (37)3249.7100
[email protected] | [email protected]
Edifício CDE: R. Capitão Vicente, 129, Centro, Itaúna/MG

Faça aqui sua inscrição

Compartilhe: